Notícias - Ofício circular n.º 16/2017

06/07/2017

A 29 de junho de 2017, foi confirmada pelos serviços fitossanitários espanhóis, a primeira deteção de Xylella fastidiosa no território continental de Espanha, em Alicante na Região Autónoma de Valência.
Esta deteção ocorreu num pomar de amendoeiras de cerca de meio hectare, com mais de 30 anos,na sequência da informação prestada pelo proprietário de observação de uma quebra anormal da produção e de necroses (queimaduras) nas folhas.
De acordo com a informação da autoridade fitossanitária espanhola, estão a ser tomadas as medidas de erradicação previstas na legislação comunitária em vigor, incluindo a aplicação de tratamentos inseticidas contra os potenciais vetores da bactéria no pomar e na zona circundante, a destruição das plantas infetadas, a delimitação da área afetada e de uma zona tampão de 10km de raio com prospeção intensiva das culturas aí existentes, maioritariamente nespereiras, oliveiras, citrinos e amendoeiras.
As plantas presentes nos viveiros e centros de jardinagem localizados a menos de 10 km foram imobilizados, serão testadas e feito o levantamento dos movimentos de material vegetal desses locais nos últimos 3 anos.
Consulte o Ofício Circular abaixo.